Saturday, May 19, 2007

OBRIGADO!!! João do "Timor Cartoon "


Sitio do Sol Nascente deu-me um Thinking Blogger Award, num momento em que me sentia mais Sinking Blogger do que Thinking Blogger. Obrigado, Laumalai! A filosofia dos Thinking Blogger consiste em distinguir os blogs que nos fazem pensar. Assim, nomeio outros cinco blogs que me fazem pensar em Timor.

Sitio do Sol Nascente gave me a Thinking Blogger Award, when I was feeling more like a Sinking Blogger than a Thinking Blogger. Thank you, Laumalai! The Thinking Blogger philosophy is all about naming those blogs that make you think. So I’m now nominating another five blogs that make me think about Timor.

E os nomeados são... / And the nominees are...

Timor do Norte a Sul
Um espaço aberto à poesia e aos sonhos.
A open space for poetry and dreams.

Living Timorously
Uma brilhante análise, das terras de Sua Majestade.
A brilliant analisys, from Her Majesty’s lands.

Timor 2006
As palavras de Ângela Carrascalão.
Angela Carrascalao’s words.

Xanana Republic Gazette
O olhar divertido e provocador de um(a) nativo(a) de OZ.
A funny and provocative insight, by a native of OZ.

Timor-Online vs Timor-Deste
Uma dupla de gémeos muito antagónicos :)
A very antogonistic couple of twins :)

Parabéns a todos!
Congratulations to you all!

2 comments:

Sítio do sol nascente said...

Poema pra minha mãe

Dedicado a minha mãe que partiu juntamente com o passado triste, deixando a esperança de um futuro de paz, amor e liberdade para a sua ilha amada – Timor.



Eras jovem e bela
Quando verdadeiramente te apaixonaste.
Lutaste por esse amor,
Com ele ficaste,
Com ele viveste, te torturaste
E com ele viajaste.

Lá longe,
Na ilha que tanto amaste,
Do teu amor nasceu um fruto.
Menina, a tua menina,
A quem te dedicaste,
Criaste, educaste…

A vida dá voltas, dizem…
E da terra amada partiste,
Levando a tua menina
De pele branca e alma nativa…
Desde sempre o sentiste…
E por isso lhe transmitiste
O amor, conhecimento e informação
Acerca da tua ilha amada.

Tal amor cresceu.
Menina fez-se mulher.
Pela ilha amada gritou, lutou,
Chorou e amou.
Mas é por ti, mãe querida,
Que ainda lá não voltou.

Notícias chegam de longe,
Menos de alguém por nós querido, desaparecido.
O sofrimento é grande,
A paz, possível e acertada.
Na tua felicidade contagiante
Dizes que amas a tua menina amada,
Pedes para gravar da TV,
Tal festa tão ansiada.

Mas…Quis Deus que após o sofrimento,
Te sentisses livre e em paz.
Que pudesses ver de “camarim”
A cerimónia da liberdade.

Enquanto a festa é preparada,
“Voaste” pra junto de Deus
Em Seus braços te aninhaste,
Rezaste e viste…
A cerimónia da Independência e…
O tais que te cobriu,
A tristeza, dor e lágrimas
Pela tua partida inesperada.

Mãe querida,
Mulher amada, por tantos querida,
Quis Deus que fosses livre
Juntamente com a tua ilha Amada.



19-05-2007
Laumalai

luis said...

O que é que eu vou escrever???? não sei fazer versos muito menos poemas....leio os poemas e os versos...só tenho que dar os parabens para laumalai....ainda mais dedicado á mãe que belo sentimento digno de aplausos com muitas palmas ....O luis